segunda-feira, 30 de julho de 2012

Thrive Movement


http://www.thrivemovement.com/


Antecipadamente, devo dizer que eu não sei até que ponto essas organizações como Thrive Movement, Zeitgeist Movement, entre outras, visam abrir nossos olhos ou se, na verdade, objetivam nos cegar mais rapidamente.


No entanto, nesta postagem eu trato de um longo e intrigante vídeo que aborda temas dos mais variados, desde energia, saúde, alimento, ecologia, educação, política, economia, dinheiro, indústria farmacêutica, médicos que são formados para manter-nos dependentes dos remédios, vacinações em massa com objetivo de introduzir doenças ou propagando a infertilidade, até Iluminatis, Nova Ordem Mundial, Matrix,  dominação humana através do domínio do alimento, do dinheiro e do petróleo, necessidade de proteção à vida no Planeta, guerra química, implementação de chips, etc.

Os palestrantes presentes no filme são oriundos de vários lugares do Planeta, no entanto, os protagonistas continuam sendo norte-americanos. Algo que, sinceramente, eu considero sempre muito suspeito.

Há muitas verdades no vídeo. Mas não é essa a estratégia usada quando o intuito é convencer-nos de uma grande mentira?

Outros fatos intrigantes: o excesso de uso de camisas azuis; todas as explicações, seja de fatos positivos ou negativos, giram em torno do padrão Torus de energia.

Eu tive várias reações no decorrer do filme: surpresa, raiva, indignação, tristeza, revolta, ânsia de vômito, oscilações de pressão, taquicardia... mas também senti esperança, empatia... mas aconteceu algo interessante: eu me senti grata.

Me senti grata por não sentir nenhuma dificuldade de compreensão, por não pertencer a camada inconsciente da população, ainda que, muitas vezes, eu perceba uma desvantagem em conseguir ver além do que se olha (não que eu esteja certa de estar ciente de alguma verdade absoluta).

Assistam ao vídeo e tirem suas próprias conclusões. Independente da conclusão que cheguem, existe algo indiscutível: algo urgente precisa começar a ocorrer com o intuito de melhorar nossas vidas, fazer evoluir as nossas almas, para que possamos encontrar formas de cuidar desse Planeta para bem vivermos nele.

É preciso acordar de alguma forma. E quem for despertando, observe quem ainda dorme ao seu lado e, por favor, tente acordá-lo... mas tente de verdade... pois estamos em um momento em que acordar ou permanecer dormindo é uma questão de vida ou morte. Ao menos a consciência disso eu já posso dizer que tenho.








2 comentários:

  1. Olá Alessandra, já vi este filme e também os filmes do movimento zeitgeist, fico muito desconfiado também pelo fato de serem os americanos os protagonistas de tais revelações...
    Também tive os sentimentos e reações que você citou. tento debater tais coisas onde vivo( na periferia de guarulhos)e sinto que estou plantando feijão no asfalto, pois a população que mais precisa de conhecimento simplesmente não quer estar a par de sua história e muito menos de acontecimentos presentes(não quer pois existe um processo histórico de desinformação onde somos direcionados ao que saber ou não saber). O fato é que o mundo anseia por mudança e vendo estes filmes acordei pra outra realidade: sabemos muito menos do que precisamos pra viver e recebemos uma informação vazia e destrutiva, que nos coloca em busca de valores que muitas vezes não são nossos.Existem aqueles que insistem em desmerecer muitos debates dizendo que são meramente teorias de conspiração, porém se observarmos as filas do S.U.S., a quantidade de alimentos refinados,processados,industrializados
    e baratos(que muitas vezes são as únicas opções de familias da grande São paulo)percebemos que manipulada ou não esta situação beneficia alguns em detrimento de muitos....
    Pra não ser longo demais neste comentário agradeço por postar o video e peço que se conhecer alguem que trabalhe com dublagem ou que tenha as possibilidades de fazer, por favor de essa dica de dublar estes filmes, seria de grande ajuda já que na realidade a maioria das pessoas alfabetizadas que conheço tem uma preguiça enorme em ver filmes legendados por mais interessantes e necessários que sejam.

    ResponderEliminar
  2. Olá, Silvio. Muito bom o seu comentário. Bastante verdadeiro.
    Também concordo que a maioria tem preguiça de ler legendas. E isso, além de ser uma consequência da falta de hábito da leitura, é algo terrível. O meu filho já assistia a filmes legendados aos 9 anos e achava isso normal. Só que ele foi apresentado aos livros quando ainda era bebê. E aí está a diferença. Mas infelizmente não conheço quem faça o trabalho de dublagem.
    Obrigada pelo comentário, Silvio. E também pela visita. :)
    Felicidades e volte sempre. :)

    ResponderEliminar

Grata por registrar sua visita.