segunda-feira, 29 de julho de 2013

Mal acompanhada não!


Aprenda a se amar, seja a melhor companhia de si mesma e você nunca estará só.




Seja lá qual for a violência que o seu parceiro te cause (física, psicológica, sexual, patrimonial, moral): DENUNCIE!


É mais fácil que seus filhos se recuperem por um dia terem visto o pai ser preso ou processado (há provavelmente figuras masculinas decentes na família nas quais eles possam se espelhar) do que você se recuperar do trauma, do sofrimento e do tempo perdido ao lado de alguém que só te inferioriza como ser humano e você ainda se sente culpada.

Ainda que ninguém te apoie: DENUNCIE!
Ainda que te olhem torto: DENUNCIE!

Pare de agir como a imbecil da avó do Erasmo Carlos que dizia "antes mal acompanhada do que só". E você verá que a vida é muito mais do que se submeter ao covarde subjugo de um macho da pior espécie.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Grata por registrar sua visita.