terça-feira, 8 de julho de 2014

Física Quântica e autoconhecimento





"Estamos todos conectados;
Uns aos outros, biologicamente;
À Terra, quimicamente;
Ao resto do Universo, atomicamente.

Eu penso que a imaginação da Natureza
É tão maior que a do homem
Que ela nunca nos permitirá relaxar.
Nós vivemos num Universo intermediário
Onde as coisas mudam satisfatoriamente,
De acordo, porém, com padrões, regras,
Ou, como as chamamos, 'Leis da Natureza'.
Eu sou esse cara, em pé, num Planeta.
Realmente, eu sou só um pontinho.
Comparado a uma estrela,
O Planeta é só um pontinho.
Pensar sobre tudo isso,
Pensar sobre o grande vazio do Espaço...
Há bilhões e bilhões de estrelas.
Hás bilhões e bilhões de pontinhos.
A beleza de algo vivo
Não são os átomos dentro dele.
Mas a maneira que tais átomos são postos juntos.
O Cosmo também está em nós.
Somos feitos da mesma matéria que as estrelas.
Somos uma forma do Cosmo se autoconhecer.
No mar do Espaço as estrelas são outros sóis.
Já andamos por esse caminho antes
E há muito que aprender.
Estamos todos conectados;
Uns aos outros, biologicamente;
À Terra, quimicamente;
Ao resto do Universo, atomicamente.
Eu acho estimulante e animador
Descobrir que vivemos num Universo
Que permite a evolução das máquinas moleculares
Tão intrincadas e sutis como nós.
Eu sei que as moléculas no meu corpo
Podem ser relacionadas a fenômenos no Cosmo.
Isso me faz querer agarrar as pessoas na rua
E dizer: Você ficou sabendo disso?
A beleza de algo vivo
Não são os átomos dentro dele.
Mas a maneira que tais átomos são postos juntos.
O Cosmo também está em nós.
Somos feitos da mesma matéria que as estrelas.
Somos uma forma do Cosmo se autoconhecer.
E temos essa bagunça tremenda
De ondas pelo Espaço afora
Que é a luz passeando pela sala
E indo de uma coisa a outra.
E tudo está realmente lá!
Mas você tem que parar para pensar
Sobre a complexidade,
Para realmente sentir o prazer.
E tudo está realmente lá!
a natureza inconcebível da Natureza."


Sem comentários:

Enviar um comentário

Grata por registrar sua visita.